Entre em contato conosco

Saiba como manter o relacionamento com clientes utilizando e-mail marketing.

Saiba como manter o relacionamento com clientes utilizando e-mail marketing.

Receba nossos conteúdos sobre marketing digital

26
mar

Não importa o tamanho ou segmento da empresa! Manter um bom relacionamento com clientes é fundamental para que se tenha uma boa lucratividade e receita recorrente. Afinal, ao desenvolver ações de marketing e relações públicas, você espera que as pessoas se tornem fiéis à sua marca e não que comprem uma única vez seus produtos ou serviços.

Uma das principais maneiras de manter o bom relacionamento com clientes é utilizando o e-mail marketing. A seguir, mostraremos algumas dicas de como colocar isso em prática. Confira!

As mídias sociais são importantes, mas não deixe o e-mail marketing de fora.

É claro que você deve investir nas redes sociais, tanto para manter o relacionamento com seus atuais clientes quanto para captar novos prospects. Afinal, canais como o Facebook e o Instagram caíram no gosto popular e são utilizados por milhões de pessoas. Porém, essas mídias têm cada vez menos alcance orgânico (veja essa matéria publicada no The Wall Street Journal), obrigando as empresas a fazerem posts pagos ou impulsionados, e assim consumindo mais de sua verba de marketing.

O e-mail marketing, por sua vez, tem um custo menor e gera um alto alcance. Segundo uma pesquisa recente da Rock Content, 95,9% dos usuários de e-mail acessam a sua caixa de entrada diariamente. Desse modo, você terá a garantia de que a sua mensagem chegará até o seu público.

Nosso intuito aqui não é dizer que as redes sociais são ruins, tampouco que não merecem investimento em estratégias de marketing de relacionamento. No entanto, o e-mail precisa ser tão ou mais valorizado que esse tipo de mídia.

Pense em formas para encurtar os caminhos de venda por meio do relacionamento com clientes.

Em estratégias de inbound marketing com funil de vendas, o relacionamento via e-mail faz com que os caminhos da venda sejam encurtados. Depois que um lead baixou um e-book ou teve acesso a um conteúdo exclusivo ou assinou a sua newsletter, por exemplo, ele pode entrar em um fluxo de nutrição e começar a receber materiais que possam educá-lo durante sua jornada de compra.

Trata-se de uma sequência de e-mails estratégicos que tem o objetivo de nutrir o lead, ou seja, de “plantar” na sua mente a necessidade de adquirir um produto ou serviço. Depois de receber três ou quatro e-mails intervalados, pode ser feita uma oferta de venda.

Para capturar o lead e conseguir nutri-lo conforme o tempo, você precisará de uma plataforma para criação de landing pages. Assim, além de captar as principais informações de contato do usuário, você poderá entender melhor seu perfil.

Envie e-mails personalizados.

Nas estratégias de e-mail marketing, uma das principais tendências é enviar mensagens personalizadas e pouco genéricas. É preciso desenvolver textos de forma que pareçam que eles são únicos e exclusivos para aquela pessoa e não que a trate como apenas mais uma, entre diversos clientes.

Contar com uma ferramenta de envios que permita personalizar os e-mails com o nome do destinatário, por exemplo, é imprescindível. Assim você poderá iniciar o mesmo texto com “Olá, Maria”, ou “Olá, Pedro”, chamando cada cliente pelo seu nome próprio. Isso cria uma aproximação e satisfaz o cliente.

Até porque, quem gosta de receber mensagem de um robô? Ninguém, não é mesmo?

Aproveite as datas comemorativas.

Uma das principais vantagens de usar o e-mail marketing, em estratégias de relacionamento com clientes, é manter um contato mais próximo e pessoal com cada um deles. Para isso, aproveitar as datas comemorativas é uma boa alternativa.

Caso você tenha uma base segmentada, o Dia da Mães, por exemplo, é uma ótima oportunidade. Você pode utilizar duas abordagens diferentes, uma para as mães e outra para os filhos. Veja as sugestões:

  1. No caso das mães você pode oferecer uma promoção ou condição especial.
  2. Para os filhos você pode enviar sugestões de presentes para suas mães.

Em ambos os casos o ideal é trabalhar com a segmentação de público, separando as pessoas em categorias e assim obter mais resultados positivos, com mensagens personalizadas.

Pense na responsividade.

Hoje em dia é comum a inclusão de imagens e gifs animados em e-mails, mas nesse caso também é necessário ter precauções. Antes de enviar esse tipo de conteúdo é preciso verificar sua responsividade, ou seja, sua boa visualização em qualquer tipo de dispositivo.

Você não tem como saber se o seu cliente visualizará o e-mail em um computador com a tela grande ou em um celular bem pequeno. Por isso, é preciso garantir que o conteúdo seja responsivo e se adapte a diferentes tamanhos de tela.

Boas plataformas de e-mail marketing já possuem um editor embarcado para facilitar a criação de peças responsivas sem a necessidade de conhecimento técnico.

De modo geral, investir no e-mail para ações de relacionamento com clientes é importante pelo fato de ser mais fácil e barato vender novamente para quem já conhece a sua empresa do que prospectar novos.

Gostou de saber mais sobre relacionamento com clientes? Então agora leia o nosso post que mostra como escolher a plataforma de e-mail marketing ideal para o seu negócio. Ele traz informações relevantes sobre como ter uma ferramenta eficiente para tirar o máximo de proveito das suas estratégias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *